3º Enprocult debate arte e mobilização social

 

Foto: André Coscarque

Do 3º Enprocult

A produção cultural voltada para a mobilização social será um dos temas tratados no 3º Enprocult. O segundo palestrante confirmado no evento, DJ Branco, será responsável pela apresentação da temática, na mesa intitulada Novas Perspectivas para a Produção Cultural, no dia 4 de outubro, a partir das 9h.

DJ Branco é produtor e apresentador do programa Evolução Hip-Hop, da rádio pública Educadora FM, colaborador do Portal e Revista Rap Nacional e membro do Colegiado Setorial de Música da Bahia (Funceb/Secult-BA) e do Conselho de Desenvolvimento da Comunidade Negra do Estado da Bahia (CDCN). É também diretor do CMA HipHop (Comunicação, Militância e Atitude Hip-Hop), núcleo de comunicação alternativa,produção cultural e mobilização social criado em 2005.

Desde 2009, o produtor coordena a Mostra Hip Hop em Movimento, evento que integra o Vivadança, maior festival de dança no Norte-Nordeste. Segundo Branco, a articulação “contribuiu principalmente para desfazer preconceitos e mostrar que o Hip-Hop se adapta a outros contextos, não é uma expressão apenas da periferia, pode sim entrar no teatro. O Vivadança mostrou para as pessoas que Hip-Hop também é cultura”.

A mesa Novas Perspectivas para a Produção Cultural contará com mais três convidados, que devem ser apresentados em breve.

Site: http://www.enprocult.com/

Tagged under:

Leave a Reply

Your email address will not be published.