Projeto Circuito das Artes seleciona artistas da Bahia

Pintura, gravura, grafite sobre suporte móvel, desenho, fotografia, entre outras técnicas serão avaliadas

A edição 2013 do Circuito das Artes abre seleção para artes visuais em Salvador. Em sua sexta edição, o projeto será realizado em duas etapas: a primeira, o ‘Circuito das Artes Salvador’ no período de 6 a 21 de julho na capital baiana e a segunda, o ‘Circuito das Artes Triangulações’ com itinerância por outras capitais e curadoria compartilhada em cada cidade.

O prazo final para a entrega dos trabalhos é sexta-feira, 24 de maio. O regulamento e cronograma estão no site www.circuitodasartes.art.br.

A edição de 2013 abre convocatória, com objetivo de selecionar 80 artistas para a mostra nesta primeira etapa. Deles, 20 participarão de itinerância, na segunda etapa. A partir da convocatória as obras selecionadas ficarão expostas durante quinze dias nos seguintes espaços: Palacete das Artes – Museu Rodin. Galeria do Instituto Cervantes, Galeria da Aliança Francesa, Museu Carlos Costa Pinto, Galeria da ACBEU, Galeria do ICBA e Galeria Cañizares.

Podem participar todos os artistas residentes na Bahia há pelo menos dois anos com obras nas seguintes técnicas: pintura, gravura, grafite sobre suporte móvel, desenho, infoarte, fotografia, escultura e objetos.

O projeto tem como objetivo dar a conhecer e discutir a produção recente de artes visuais no estado, estimular a visitação a galerias de arte e museus, e possibilitar ao público a aquisição de obras de artistas renomados e iniciantes, a preços acessíveis. Realizado desde 2006, o evento busca implementar ações na área das artes visuais estimulando a multiplicidade e a diversidade de tendências e linguagens, apresentando um panorama do que está sendo produzido na Bahia.

Já a segunda parte do projeto, o Circuito das Artes Triangulações surgiu da necessidade de potencializar o alcance da mostra baiana e possibilitar o intercâmbio com outros estados, tendo Salvador como ponto de partida e retorno da itinerância.

O projeto pretende fortalecer as produções locais e dar visibilidade nacional aos artistas que estão fora do eixo Rio–São Paulo, para se tornar parte do calendário nacional de artes visuais.

 

Tagged under:

Leave a Reply

Your email address will not be published.