I Encontro de Estudos das Culturas dos Sertões recebe inscrições até 30 de março

Celebração das Culturas do Sertão debaterá projetos culturais que envolvam os sertões e incentive o surgimento de novas iniciativas referidas a este universo cultural

Os interessados em apresentar seus trabalhos para o I Encontro de Estudos das Culturas dos Sertões têm até o próximo dia 30 de março para efetuar inscrição. O evento, que acontece nos dias 07 e 08 de maio de 2012, no Centro de Cultura Amélio Amorim, em Feira de Santana, abrange sessões de estudos, debates e discussões de trabalhos que analisem e reflitam sobre as culturas dos sertões. As apresentações acontecerão em sessões, coordenadas pelo professor da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Alberto Freire, e pelo historiador e pesquisador da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), Roberto Dantas, com os temas ‘Os sertões no cinema’, ‘Identidades e modos de vida dos sertões’ e ‘Os sertões pelas letras’.


O objetivo do Encontro de Estudos é estimular a articulação de projetos culturais já existentes, que envolvam os sertões e incentivem o surgimento de novas iniciativas referidas a este universo cultural. Para se inscrever, é necessário enviar um resumo expandido de no máximo duas páginas, com formatação conforme normas da ABNT, contendo título, nome do autor e palavras-chave, além de titulação, profissão e identificação dos vínculos do autor (es) com o tema em nota de rodapé. As inscrições deverão ser enviadas para o email culturadosertao2012@gmail.com.

O Encontro integra as atividades do evento Celebração das Culturas dos Sertões que acontece entre os dias 05 e 11 de maio no Teatro Castro Alves, em Salvador e no Centro Cultural Amélio Amorim, em Feira de Santana. A realização da Secretaria de Cultura da Bahia, através do Centro de Culturas Populares e Identitárias, busca promover, reconhecer e difundir a diversidade da cultura sertaneja em suas linguagens e manifestações. A Celebração tem ainda o intuito de criar um evento anual que insira as manifestações da cultura sertaneja no calendário oficial do estado, além de contribuir com a seqüência e solidificação do processo de territorialização da cultura na Bahia, importante diretriz para a Secretaria de Cultura, bem como com a ampliação do diálogo intercultural.

Tagged under:

Leave a Reply

Your email address will not be published.