Sepromi lança em agosto a Rede de Combate ao Racismo e a Intolerância Religiosa

Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi) lançará no dia 04 de agosto de 2011 a Rede de Combate ao Racismo e a Intolerância Religiosa, que atuará em articulação com as esferas do poder público e da sociedade civil organizada, na orientação, acompanhamento, prevenção e combate aos crimes de racismo ou ódio religioso no Estado da Bahia. Para este projeto foi disponibilizado, inicialmente, um recurso da ordem de R$ 1.500.000,00 (um milhão e quinhentos mil reais).

O projeto, cuja primeira etapa tem a vigência de 12 meses, é fruto da emenda parlamentar do deputado federal Luiz Alberto, através de convênios firmados entre o Governo Federal (SEPPIR) e o Governo do Estado da Bahia (Sepromi).


Outro projeto a ser lançado é o “Municipalizando a Política de Promoção da Igualdade Racial” que prevê a interiorização da política de promoção da igualdade racial, tendo como foco o estímulo e a implementação de tais políticas junto aos municípios do Estado da Bahia, fortalecendo as ações da Rede de Combate ao Racismo e a Intolerância Religiosa.

Com o objetivo de preparar o lançamento destes projetos, foi realizada no dia 04 de julho, no Palácio Rio Branco, encontro com os gestores de promoção da igualdade de 18 municípios: Alagoinhas, Amélia Rodrigues, Camaçari, Cruz das Almas, Entre Rios, Feira de Santana, Ituberá, Juazeiro, Livramento de Nossa Senhora, Maragojipe, Porto Seguro, Salvador, Santo Amaro, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé, Saubara, Serrinha, Vitória da Conquista.

 

Estes dois projetos convergem para a estratégia de atuação da Sepromi, que tem como finalidade planejar e executar políticas de promoção da igualdade racial e de proteção dos direitos de indivíduos e grupos étnicos atingidos pela discriminação e demais formas de intolerância.

Segundo o secretário de Promoção da Igualdade Racial, Elias de Oliveira Sampaio, “este encontro foi importante para estreitar o relacionamento do Governo do Estado da Bahia com os municípios, no intuito de fortalecer as ações de combate ao racismo e a intolerância religiosa e promover a cidadania plena”.

Fonte: Ascom Sepromi

Tagged under:

3 Comments

  • Djeane Carvalho Responder

    Otima iniciativa, parabéns ao deputado Federal Luiz Alberto e as outras pessoa comprometidas
    por essa causa justa.

  • Marli Farias Responder

    Gostaria de saber se Lauro de Freitas estará incluso, neste projeto de Rede de Combate ao Racismo e a Intolerância Religiosa, e dar parabéns ao Amigo Deputado Federal Luiz Alberto e as outras pessoas comprometidas por essa cusa justíssima.

  • Pingback:Sepromi lança em agosto a Rede de Combate ao Racismo e a Intolerância Religiosa | africas

Leave a Reply

Your email address will not be published.