Bahia assina pacto federal da Copa do Mundo 2014

Copa do Mundo 2014
O governador da Bahia Jaques Wagner assinou, nesta quarta-feira (13), em Brasília, o Pacto Federal da Copa do Mundo 2014, que estabeleceu o comprometimento econômico do Estado com a obra de reconstrução da nova Fonte Nova, cujo custo total está estimado em R$ 591,7 milhões.

O acordo prevê ainda a implantação de um sistema de mobilidade urbana, com recursos da ordem de R$ 567,7 milhões, que irá estabelecer a ligação viária entre pontos fundamentais de circulação da capital baiana, como o Aeroporto, Iguatemi, Acesso Norte e estádio. A parcela dos R$ 8 bilhões do FGTS, que serão utilizados em obras de mobilidade urbana pelas cidades onde ocorrerão a Olimpíada e a Copa do Mundo no Brasil, também faz parte do acordo.


A reunião entre o presidente Luís Inácio Lula da Silva e os 12 governadores e prefeitos das cidades que vão sediar os jogos da Copa do Mundo de 2014 consolidou o conjunto de responsabilidade que vem sendo discutida há meses entre as três esferas de poder – federal, estadual e municipal. Presente à solenidade, o secretário do Trabalho e Esporte, Nilton Vasconcelos considerou o encontro muito positivo. “Com este documento temos a garantia que vamos obter os financiamentos necessários para as obras”, adiantou.

Firmado compromisso, cabe ao Estado garantir, junto ao BNDES, os R$ 400 milhões já anunciados pelo governo federal para investimento nos estádios. Quanto ao valor restante, caberá ao consórcio OAS/Odebrecht, vencedor da licitação da Fonte Nova, investir recursos próprios e buscar financiamento junto à iniciativa privada.

A Bahia foi o estado, entre os 12 que vão sediar a Copa 2014, que primeiro finalizou o processo de licitação, devendo assinar muito em breve o contrato com o consórcio responsável pela demolição, reconstrução e a operação do estádio nos próximos 35 anos.

Além do governador Jaques Wagner e do secretário Nilton Vasconcelos foram à Brasília também os secretários Ney Campello (Secopa), Domingos Leonelli (Turismo) e Afonso Florence (Desenvolvimento Urbano).

Fonte: Agecom

Tagged under:

1 Comment

  • WELINGTON FERNANDES Responder

    VAMOS DANÇAR UM BREAK IMPACTOURBANO

Leave a Reply

Your email address will not be published.